Portal de Eventos da Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF), SCIENTEX-2019

Tamanho da fonte: 
Soluções de Learning Analytics para a Autorregulação da Aprendizagem em Sala de Aula Invertida
Jônatas de Castro Oliveira Passos, João Carlos Sedraz Silva

Última alteração: 2019-11-11

Resumo


A adoção da metodologia Sala de Aula Invertida é uma nova tendência no campo educacional, com um número crescente de publicações, que mostram impactos significativos no comportamento e no desempenho dos estudantes. Nessa metodologia, o discente é estimulado a estudar o conteúdo curricular antes de frequentar a sala de aula, que passa a ser o lugar de aprender ativamente, onde são concentradas as discussões, perguntas e atividades práticas. Na Sala de Aula Invertida, o desempenho do estudante é dependente, principalmente, de atividades fora da sala de aula realizadas a distância. Essas atividades exigem uma postura mais ativa do discente na gestão dos seus estudos e, em razão desse requisito, pesquisas sobre Sala de Aula Invertida apontam para a necessidade do desenvolvimento de abordagens que promovam a Autorregulação da Aprendizagem. Nesse sentido, o objetivo geral desta pesquisa foi propor soluções de Learning Analytics e analisar os seus impactos sobre a Autorregulação da Aprendizagem de estudantes em Sala de Aula Invertida. Para alcançar esse objetivo, foi desenvolvido um estudo de natureza aplicada, seguindo um percurso metodológico envolvendo o levantamento do estado da arte, proposição de artefatos e emprego dessas soluções em contextos reais de Sala de Aula Invertida. Como resultados, além da publicação de um artigo em periódico B1 e coletas de dados para outras duas publicações a serem submetidas este ano, foram implementados três artefatos de Learning Analytics que, após testes de potenciais usuários, foram avaliados como recursos relevantes para a promoção da Autorregulação da Aprendizagem em Sala de Aula Invertida.

Palavras-chave


Sala de Aula Invertida; Autorregulação da Aprendizagem; Learning Analytics; Visualização de informações; Mineração de Dados Educacionais; Aprendizagem Ativa