Portal de Eventos da Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF), SCIENTEX-2019

Tamanho da fonte: 
PROJETO ESCOLA VERDE EM SÃO RAIMUNDO NONATO
Anderson da Silva Pereira, Lituane Landim da Costa, Aparecida Maria Simões Minura

Última alteração: 2019-11-18

Resumo


A educação ambiental deve estar presente nas escolas, a fim de construir conhecimentos voltados à preservação do meio ambiente e à realização de práticas sustentáveis. O Projeto Escola Verde (PEV) leva para as escolas o cuidado com o meio ambiente a fim de conscientizar a comunidade escolar, já que este local é propício para a aprendizagem e para a discussão da educação ambiental de forma interdisciplinar. Neste contexto, o objetivo principal desse trabalho foi desenvolver atividades voltadas à educação ambiental em duas escolas municipais da cidade de São Raimundo Nonato, PI, através da atuação do Projeto Escola Verde. Atualmente, o PEV está sendo desenvolvido na Unidade Escolar Eliacim Mauriz e na Unidade Escolar em Tempo Integral Joaquim Horácio de Ribeiro, englobando 256 alunos do 6º ao 9º do Ensino Fundamental, os quais participam das atividades durante todo o período letivo. Uma das atividades realizadas foi a criação e a manutenção de uma horta nas escolas, a fim de gerar alimentos que possam ser consumidos pelos alunos no futuro. A atividade foi realizada em um espaço não formal de aprendizagem, ou seja, fora da sala de aula. As turmas foram direcionadas ao local da horta, uma de cada vez. Inicialmente, os alunos trabalharam na preparação do solo, na construção de um cercado para a horta usando garrafas de polietileno e na irrigação solo, uma vez que se trata de um região semiárida. Posteriormente, as sementes e mudas foram plantadas. A irrigação das hortas foi realizada pelos funcionários da escola. Periodicamente, os alunos visitaram as hortas para verificar a evolução da atividade. A construção da horta foi muito importante para a conscientização dos alunos a respeito da educação ambiental. Neste momento, foi discutida a importância da conservação do meio ambiente, do combate ao desmatamento, finalizando com o plantio de sementes e mudas. Os alunos se mostraram bastante empenhados em executar uma atividade pedagógica diferente e dinâmica, fora da sala de aula. Alguns deles apresentaram relatos de plantas presentes em suas casas. Assim, foi possível observar que as atividades desenvolvidas com o PEV nas escolas, foram bem dialogadas com os estudantes, o que contribuiu para aprendizagem dos temas abordados, despertando motivação e participação ativa, além de atuar como uma ferramenta de mediação entre professor e aluno. Neste contexto, espera-se que propostas desta natureza possam ser adotadas por outras escolas da região, com objetivo de conscientizar toda a comunidade acerca de assuntos voltados para a conservação do meio ambiente e sobre os impactos causados pelas ações humanas, colaborando assim para a disseminação da educação ambiental.


Palavras-chave


Educação Ambiental; Meio Ambiente; Horta.