Portal de Eventos da Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF), 7º Fórum de Mobilização Antimanicomial/4ª Mostra de Atenção Psicossocial - ISBN 978-85-60382-84-2

Tamanho da fonte: 
OFICINAS LÚDICAS NUM CAPS i: PROMOVENDO BEM ESTAR E CUIDADO HUMANIZADO ÀS CRIANÇAS
Perpetua do Socorro Almeida Oliveira, José Vicente de Deus Neto, Karla Tatiana de Carvalho e Sá Alves da Cruz, Maria Iracema de Sousa Araújo, Minéia da Costa Figueiredo, Rita de Cássia Dias Rosa

Última alteração: 2017-06-03

Resumo


O Centro de Atenção Psicossocial Infanto Juvenil (CAPS i) é um serviço de saúde mental destinado à atenção diária a crianças e adolescentes em sofrimento psíquico. A produção de novos modos de cuidado, conforme a Política Nacional de Saúde Mental se faz necessário profissionais dotados de capacidade de reflexão crítica e de competência técnica para uma prática de atenção integral, que só poderá ser alcançada através da disponibilidade para ofertar um cuidado transformador, que envolva outros saberes. Em se tratando de crianças, é possível lançar mão do lúdico para propiciar práticas transformadoras, tendo em vista que o lúdico é um elemento cultural, universal e presente na espécie humana e o brincar um componente predominante nas crianças e presente nos adultos. Este trabalho visa apresentar uma síntese das oficinas desenvolvidas em sala de espera por duas residentes do Programa de Residência Multiprofissional em Saúde Mental (PRMSM) vinculado à Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF) e pela equipe do CAPS i de Juazeiro-BA. A proposta das atividades partiu da necessidade de promover bem estar e garantir um cuidado humanizado às crianças que ficavam ociosas e ansiosas esperando o momento do atendimento médico psiquiatra. As oficinas aconteceram às quintas-feiras, no período de março a setembro de 2016 contando com uma média de 10 crianças por encontro. Para mediar as oficinas lúdicas, utilizou-se a mesma história com movimento “A fuga do palhaço” e uma caixa surpresa que trazia o atrativo do dia. As produções artísticas das crianças foram agrupadas por temas, para uma melhor compreensão dos sentidos atribuídos por elas a questões que as afetaram, sendo intituladas respectivamente: Natureza – a natureza que se fazia presente no contexto da história foi retratada com riqueza de detalhes e novos elementos; carros – o carro do palhaço que não aparece na história, é retratado, mas bem colorido inclusive com paredão; alimento/comida – o lanche era sempre um atrativo para as crianças, mas elas retrataram outros alimentos que não eram servidos no lanche da instituição, de acordo com as suas preferências; lar/moradia – sentimento de acolhimento no CAPS i que funciona numa casa e ainda tem uma brinquedoteca com elementos que aguçam os sentidos proporcionando prazer a elas; super-heróis – os super-heróis inspiram e estimulam as crianças a defender seus ideais e padrões existenciais, tendo em vista que são seres que possuem força, agilidade e habilidade para ajudar e proteger os outros, assim como vencer os inimigos. Os resultados das oficinas apontam que o lúdico é indispensável ao universo infantil, porque o ato de brincar não é meramente reproduzido, e sim recriado a partir do que a criança apresenta de novo, com seu poder de imaginação, criação, reinvenção e produção cultural.


Palavras-chave


Lúdico; Cuidado; Caps i.